Pesquisar

500 Abarth ao estilo Sheen: Crítica ao ator por meio do automóvel

Por Lucas Margotti

Há pouco mais de um mês foi publicado no Tutor Executivo um artigo crítico sobre o fato da Fiat usar o ator polêmico Charlie Sheen como "garoto propaganda" do lançamento do "500 Abarth". De fato, o carro rapidamente se tornou um símbolo ao estilo do ator e fez com que muitos seguidores admirassem o carro e o caracterizassem com um estilo de vida rebelde. Porém, com o conflito gerado entre o ator com sua antiga série "Two and a Half Men", surgiu uma oportunidade para criticar o autor por meio do automóvel em uma pequena passagem no 16º episódio da série.
(...) "a FIAT apostou no estilo de vida de Charlie como uma forma de alavancar as vendas do 500 Abarth nos Estados Unidos. Após tentar anteriormente com outros atores, o que não deu certo, nada melhor fazer uma estratégia mais agressiva com um ator mais polêmico. E acredito que dessa vez essa estratégia pode dar certo. Por que? Da mesma forma que diversos telespectadores tomaram antipatia pelo ator, outros preferiram seguí-lo". (FIAT e Charlie Sheen: 500 Abarth ao estilo Sheen). 

De fato, o fato da empresa ter adotado o ator, ou o estilo dele, como uma caracterização do automóvel, a antiga série do ator em um episódio buscou criticá-lo por meio do automóvel, mostrando o carro sendo levado pela chuva e os personagens atuais mostrarem que o "carro inteligente" não parece ser tão inteligente como parece. Tal crítica possivelmente não foi direcionada para o carro e sim, para o ator. 

(500 Abarth sendo carregado pela chuva)

(Fala de Allan - Two and a Half Men - Episódio 15. Temp. 9)

(Fala de Walden - Two and a Half Men - Episódio 15. Temp. 9)

Portanto, ainda não se sabe o efeito real em longo prazo da utilização do ator polêmico Charlie Sheen como personificação do 500 Abarth. Também não se sabe o efeito crítico gerado na série de TV. O Tutor Executivo foi o primeiro veículo à publicar essa observação em relação ao uso do automóvel na série como forma de atingir o ator e, portanto, não encontrou outras informações sobre a repercussão desse fato nas redes ou em outros meios de comunicação. A estratégia da FIAT foi de alavancar suas receitas nos EUA e o "veneno de escorpião" tem sido aclamado pelas mídias especializadas como um novo sucesso da FIAT. Além disso, tem atraído muitos consumidores se tornando um sucesso de demanda em alguns países.

(Imagens extraídas da série "Two and a Half Men")

Videos promocionais do automóvel:

Featuring Charlie Sheen
Superbowl

Confira também:

FIAT e Charlie Sheen: 500 Abarth ao estilo Sheen

Leia mais